Quais as principais situações que fazem o auxílio-doença ser negado?

Confira quais os principais motivos que levam você a ter seu auxílio negado e como consultar o resultado do seu benefício

Ter seu beneficio negado é uma das piores noticias que um trabalhador pode receber, principalmente se tratando do auxílio doença. Pois ele se trata de um beneficio que irá ajudar o trabalhador no período onde ele estará incapacitado para o trabalho.

E infelizmente ter o auxílio doença negado é mais comum do que imaginamos. E caso você se encontre nesta situação ou caso precise desse benefício um dia, confira uma lista com os principais erros de quem teve o auxílio-doença negado.

Documentos incompletos ou rasurados

Os documentos importantíssimos para o pedido de benefício. É através dos documentos que você poderá provar o histórico de trabalho, seus problemas médicos e outras informações importantes para concessão do benefício.

Com isso, caso seus documentos estejam incompletos ou rasurados, podem dificultar ou fazer com que seu benefício seja negado. Então a dica é, leve todos os documentos relacionados ao pedido d seu benefício.

Não completar a carência mínima ou perder a qualidade de segurado

Ter a carência mínima necessária para ter a concessão do seu benefício, é extremamente importante. A carência é uma quantidade mínima de contribuições no qual o segurado deve fazer para pode usufruir dos benefícios.

No caso do Auxilio Doença a carência é de 12 contribuições e se você não possui isenção deste prazo deverá cumpri-lo.

Já a qualidade de segurado é a condição atribuída a todo cidadão filiado ao INSS que possua uma inscrição e faça pagamentos mensais a título de Previdência Social.

O indeferimento dos benefícios devido à perda da qualidade de segurado é muito comum, porém se você quer ter sua qualidade de segurado de voltar, basta começar a recolher para o INSS de novo.

Não provar a incapacidade

O segurado do INSS que por alguma razão perdeu a capacidade para o trabalho, terá direito a receber um auxílio durante o tempo que permanecer incapacitado.

E a não comprovação da incapacidade laborativa faz com que você não esteja apto para receber o benefício.

Trabalhar enquanto aguarda a decisão

O principal requisito para você receber o auxilio doença é o provar a sua incapacidade para trabalhar, seja em razão de doença ou acidente.

Ou seja é proibido trabalhar enquanto aguarda a resposta e enquanto recebe o beneficio. Se você continuar trabalhando até conseguir uma resposta definitiva e, inclusive, a aprovação do auxílio-doença, você pode ter ainda mais dificuldade para conseguir o benefício.

Como consultar o auxílio doença?

A consulta pode ser feita pelo:

  • telefone 135;
  • internet;
  • carta pelos correios.

Para consultar o resultado da perícia no sistema Meu INSS:

  1. Primeiro, acesse o portal meu.inss.gov.br;
  2. Clique em ENTRAR;
  3. Digite o seu CPF > clique em PRÓXIMA > digite a senha cadastrada no portal gov.br (conforme link no tópico anterior) > depois, clique em ENTRAR; Pronto, você já está no portal Meu INSS.
  4. Clique em Resultado de Benefício por Incapacidade;
  5. Agora, vai aparecer a informação de Resultado de benefício por incapacidade: Nessa tela, terá o número do benefício, a categoria do auxílio e a situação em que está: em andamento ou o resultado.
  6. Clique no número do benefício > na próxima tela, o sistema vai baixar o resultado de forma automática, é um documento em pdf que, em geral, tem o seguinte nome: resultado-de-pericia.pdf

Fonte: Jornal Contábil

PRESSIONE AQUI AGORA MESMO E FALE JÁ CONOSCO PARA MAIS INFORMAÇÕES!

Classifique nosso post post

Compartilhe nas redes!

Você, caro leitor, fique à vontade em utilizar nosso conteúdo em seu blog, site e redes sociais, para isso basta citar a fonte e o site (www.menezesbonato.adv.br).

Deixe um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado só para você!
Veja quando é possível receber o benefício sem passar pela…
Cresta Posts Box by CP

AVISO DE GOLPE

Logo New - Menezes Bonato Advogados Associados

Prezados clientes, informamos que tem pessoas usando indevidamente o nome do nosso escritório e até o nome dos advogados como por exemplo, se passando pela Dra. Danielle, onde o fraudário impostor está solicitando que seja feito o pagamento de algumas taxas para que seja liberado os valores do processo, a foto desta pessoa está com o logo do escritório e eles se apresentam como Dra. Danielle Ribeiro de Menezes Bonato em alguns momentos.

Informamos que não enviamos mensagem solicitando pagamentos, TED ou transferência e pedimos que caso venha ocorrer essa situação para imediatamente entrarem em contato conosco nos telefones do escritório (19) 3444-8624 / 3713-8614.

Agradecemos a compreensão.

Menezes Bonato Advogados