Reajustes dos benefícios do INSS: entenda como vão ficar os benefícios este ano.

O salário mínimo passa por reajuste todos os anos, chegando a R$1.212,00 em 2022. O valor em 2021 era de R$1.100,00, isto é, o piso nacional teve uma correção de R$112,00. Para chegar a esse montante, o Governo Federal se baseou no Índice Nacional de Preços ao Consumidor – INPC, que encerrou o ano em 10.16%.

Com o reajuste do salário mínimo, os valores pagos pelo INSS também passaram por mudança. Em 2022, os benefícios de  aposentados e pensionistas  podem chegar a R$7.087,22.

Como ficam as contribuições previdenciárias em 2022?

Desde novembro de 2019 os recolhimentos junto ao INSS não têm um valor fixo. Atualmente, os valores são progressivos, de acordo com cada faixa de salário até chegar ao teto da autarquia.

Percentual para empregados, empregados domésticos e trabalhadores avulsos em 2022

  • Trabalhadores que recebem um salário mínimo – 7,5%
  • Trabalhadores com salários entre R$1.212,01 e R$2.427,79 –  9%
  • Trabalhadores com salários entre R$2.427,80 até R$3.641,69 – 12%
  • Trabalhadores com salários entre R$3.641,70 a R$7.088,50 – 14%

Contribuintes individuais

  • Percentual de 20% (Código GPS 1007) – R$242,40
  • Percentual de 11% (Código GPS 1163) – R$133,32

É importante lembrar, que o percentual de 20% pode variar entre o salário mínimo e o teto do INSS (R$7.087,22 em 2022).

Contribuinte facultativo

  • Percentual de 20% (Código GPS 1406) – R$242,40
  • Percentual de 11% (Código GPS 1473) – R$133,32
  • Percentual de 5% (Código GPS 1929) – R$60,60

É bom lembrar, que a alíquota de 20% pode variar entre o salário mínimo e o teto do INSS (R$7.087,22 em 2022).

Quais são os impactos do reajuste para os benefícios do INSS?

A correção do salário mínimo modifica o piso nacional e em decorrência disso outros benefícios concedidos pelo governo e pelo INSS também são alterados.

Atenção: Todos os benefícios pagos pelo governo, são baseados no piso nacional, dessa forma nenhum dos proventos pode ter valor inferior ao salário mínimo vigente (R$1212,00 em 2022).

É importante destacar, que o INPC além de impactar no piso nacional e no teto do INSS também altera toda a tabela de contribuições. Os novos índices entram em vigor em fevereiro, afetando as deduções e os valores a serem recebidos pelos beneficiários do INSS.

Fonte: Jornal Contábil

PRESSIONE AQUI AGORA MESMO E FALE JÁ CONOSCO PARA MAIS INFORMAÇÕES!

Classifique nosso post post

Compartilhe nas redes!

Você, caro leitor, fique à vontade em utilizar nosso conteúdo em seu blog, site e redes sociais, para isso basta citar a fonte e o site (www.menezesbonato.adv.br).

Deixe um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado só para você!
O autônomo precisa quitar suas dívidas em atraso podendo escolher…
Cresta Posts Box by CP